Só uma companhia

Por

Seth-and-Summer-summer-and-seth-37734186-500-326

São naquelas noites mais despretensiosas que coisas boas acontecem. Não coisas extraordinárias, mas coisas boas!

Um lugar diferente, uma música boa e bons amigos me aproximaram de você. Um jeito meio tímido, na sua, quase um fugitivo. Mas eu não queria que você partisse. Queria que ficasse, mais perto. A música nostálgica me fez sorrir, chamei sua atenção, seu olhar encontrou o meu e eu tive certeza que você não iria embora tão cedo.

Então vem aquele momento que gera tensão no corpo todo, a aproximação. Uma puxada de assunto, eu te desafio e você me prova. Ação e reação. Sem resistência. Atração recíproca. Quase um ímã.

Com a festa cheia eu só queria uma companhia. Parece que tudo se apaga em volta e vejo só nós dois. Cantamos alto, dançamos, gargalhamos e conversamos sem ouvir o que o outro dizia. Tanta coisa, e você não tirou seus olhos dos meus. Curtimos mesmo uma noite juntos!

Podemos conhecer pessoas a toda semana por aí, mas conexões assim só acontecem de vez em quando. Fui embora mais tarde do que eu deveria, mas uma hora eu tinha que ir. Assim, sem telefone, sem contato, sem mensagem. Tchau e nada mais. Mas eu sei que vou te encontrar de novo e prometo lembrar do seu nome na próxima vez!

27 anos de pura teimosia e compreensão. Psicóloga, apaixonada pela confusão da mente humana. Vive para comer bem e sonha em adotar todo os cachorros abandonados do mundo. Além de trazer as novidades de moda e beleza, também quer te fazer pensar sobre as coisas da vida!

No Comments Yet.

Leave a Reply

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *