Serão meus dias favoritos

Por

Você viajou e seu calor foi embora por um tempo.  Talvez eu sinta sua falta ou não. Os dias frios estão chegando e são meus dias favoritos. Talvez eles façam com que eu te esqueça por um tempo.

Esses primeiros dias são meio confusos. Vou levar algumas semanas para aprender que blusa de manga curta vai me deixar com frio e que blusa de lã vai me deixar com calor. Preciso voltar ao hábito de olhar a previsão do tempo todas manhãs. Por outro lado tem uma coisa fácil de se acostumar: usar meias. Não tem nada mais gostoso que andar de meias pela casa. Preciso também reabastecer o estoque de guarda-chuva para não ficar sem quando começar a esquecê-los por aí.

outono e folhas

Já tirei minhas botas do armário e dei aquele trato nelas. O cobertor também já foi pra cama e agora já é muito mais aconchegante dormir. Dá janela já começo a ver algumas folhas avermelhadas que em breve estarão amarelas.

Semana que vem pretendo passar naquela loja de chás que adoro e comprar um pra cada dia da semana. Algumas caixas de brownie e pipoca também serão bem vindas do mercado. Já marcamos a noite das meninas com bastante vinho e conversa. Talvez um brigadeiro lá pela madrugada pra arrematar e cortar o álcool.

Andei separando umas receitas de nhoque à bolonhesa e espaguete à carbonara pra fazer para os meus pais num domingo. Minha mãe prometeu me ensinar a melhor receita de chocolate quente. Além disso, tenho alguns filmes, dois livros e três seriados pra colocar em dia.

lareira e livros

Pra substituir o tradicional luau da galera, marcamos um fim de semana na chácara com muito marshmallow, alguns jogos e uma lareira quentinha. Já comprei meia duzia de meia-calça e um moletom. Tenho também um par de luvas novas pra usar, mas provavelmente isso vai ficar para o inverno. O friozinho está só começando e os dias ainda alternam bastante entre céu azul geladinho e chuva. O casaco tem que estar sempre a mão.

Essa tem tudo pra ser a melhor época do ano. Talvez eu não sinta mesmo a sua falta. Não foi um bom momento pra viajar. Você pode voltar lá pela primavera, talvez eu já tenha me lembrado do calor dos seus braços. Por enquanto eu estou bem acompanhada.

27 anos de pura teimosia e compreensão. Psicóloga, apaixonada pela confusão da mente humana. Vive para comer bem e sonha em adotar todo os cachorros abandonados do mundo. Além de trazer as novidades de moda e beleza, também quer te fazer pensar sobre as coisas da vida!

No Comments Yet.

Leave a Reply

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *